Como organizar a casa para entrar em 2019 de forma mais leve

Como organizar a casa para entrar em 2019 de forma mais leve

Olá, tudo bem?

O fim de de ano chegou e com ele a sensação de que ainda temos tanta coisa pra fazer mas pouco tempo disponível não é mesmo? E que tal se a gente considerasse utilizar este tempo que ainda temos em 2018 e fazer coisas que realmente vão fazer a diferença na nossa vida e da nossa família no próximo ano?

Nos organizar para a entrada de um novo ciclo é, na minha opinião, uma das melhores maneiras de começar a prosperar. Quando nos organizamos, deixamos um espaço livre (literalmente) para novos projetos, para aflorar a nossa criatividade e para aproveitar a vida ao máximo.

Neste post feito especialmente para a Casa Sem Lixo, vou falar principalmente sobre organizar o nosso lar pois acredito nele como uma extensão do nosso corpo, que requer atenção, cuidado carinho e onde passamos a maior parte do tempo na intimidade, nos recarregando de boas energias para enfrentar as atividades do dia a dia.

Vamos às dicas? Como temos 4 semanas até o ano acabar, minha sugestão é que você ative um olhar amoroso para a sua casa e foque em uma atividade por semana, comece e termine cada uma delas e só então passe para a próxima. Dessa maneira, a sensação de “dever cumprido” vai te impulsionar a encarar a próxima tarefa de maneira mais produtiva.

Sugestão de cronograma para colocar a casa em ordem:

Semana 1: semana do detox do lar

Semana 2: semana dos consertos

Semana 3: semana da organização

Semana 4: semana do decor

Criei o conceito de “detox do lar” porque acredito que de tempos em tempos é preciso olhar com atenção para a nossa casa e eliminar as toxinas que estão nesse espaço e que às vezes, de maneira sutil, acabam nos fazendo um mal danado no dia a dia.

Mas o que são essas toxinas e o que fazer com elas?

  •     Na cozinha: eletrodomésticos quebrados, itens duplicados, panos de prato furado e tantas outras coisas que vamos acumulando sem ter função para elas. Mande para o conserto, ressignifique ou doe aquilo que não faz mais sentido pra você.
  •     No banheiro: cosméticos e remédios vencidos, itens duplicados, toalhas rasgadas, manchadas. Doe ou jogue fora. E se for descartar, faça isso com consciência e no local correto. Para o descarte dos remédios vencidos, por exemplo, procure uma farmácia que seja posto de coleta.
  •     No quarto: roupas e sapatos que você não usa mais ou aquela compra por impulso que você fez mas não tem mais nada a ver com você (ou com seu marido/mulher/filhos). Respire fundo, seja honesto com você e veja se ainda tem algum sentido guardar esses itens por mais uma temporada, ocupando espaço no seu armário. Se a resposta for não, doe, venda ou ressignifique. Roupas de algodão muito velhas ou furadas podem virar pano de limpeza por exemplo.
  •     Na sala: aquela coleção de DVD´s que você não tem mais nem o aparelho, aqueles CD´s que só tem a capa e você não ouve mais, aquele prato trincado, o copo manchado, enfim! Elimine os papéis de contas antigas, exames velhos, digitalize o que for importante, coloque as contas em débito automático…

Elimine tudo aquilo que você pensa duas vezes antes de servir pras visitas, sabe? Aliás, aqui está um ponto que eu gostaria de chamar a atenção: vocês merecem uma mesa arrumada e linda, todos os dias, em todas as ocasiões!

  •     Na lavanderia: faça uma limpa naqueles pregadores que não funcionam mais, nos produtos vencidos, ou aqueles que você usou e não gostou do resultado. Doe esses para uma vizinha ou para alguém que você acha que pode ser útil. Repense seus produtos de limpeza. Aqui no blog da Casa Sem Lixo, você encontra várias receitas de produtos para cuidar da sua casa de forma mais sustentável.
  •     No seu celular: elimine o excesso de e-mails, saia daquelas listas de e-mail indesejados, apague as fotos duplicadas, exclua aplicativos que você não usa e o principal: faça um detox nas redes sociais. Isso mesmo. Deixe de acompanhar aquelas pessoas que só te fazem sentir pra baixo, que faz você ficar se comparando a todo momento ou que só reclamam da vida. Você vai ver como é libertador!

Seja honesto e gentil com você e a sua casa. Viva apenas rodeado daquilo que te faz bem, que é útil e que tem algum sentido para a sua casa, pra você e para a sua família.

Uma vez que você fez o descarte e eliminou tudo aquilo que você não quer mais ou não tem mais sentido, chegou a hora de você consertar as coisas que separou na semana passada e que merecem uma atenção especial.

Se você mantiver essas coisas sem um cuidado, elas vão continuar ocupando um espaço precioso na sua casa e você vai ficar com aquela sensação de ansiedade, de algo para fazer que não deu conta. Então toca pro sapateiro, costureira, chame o encanador pra checar aquele vazamento, bora amolar as facas e tornar todos aqueles objetos que separamos por que amamos, em coisas úteis para a nossa vida!

Depois que você consertou tudo e as coisas voltaram para a sua casa, comece a organizar. Seja qual for o cômodo da casa, agrupe os itens similares, dê “casas” para cada item e você sempre terá tudo a mão quando precisar. Além disso, quando você dá um local para cada coisa, a família toda ganha autonomia na hora de encontrar algum item e você não fica sendo o ponto focal na hora de procurar o adaptador de tomada, uma pilha para o controle ou o achocolatado. Se você  tiver em casa um tuppeware sem tampa, caixas organizadoras ou cestos, use e abuse desses itens para separar as categorias. Use os potes sem tampa para guardar pequenos utensílios de cozinha, caixas para guardar mantimentos, cestos para guardar brinquedos e deixe sua criatividade fluir!

A última semana do ano, sugiro que seja dedicada ao que chamo de “decor express. Leve um pouco de charme e alma para a sua casa. Troque a capa das almofadas, coloque uma vela com cheirinho, compre um arranjo de flor, pinte um objeto que está meio velhinho mas que você ama, enfim… Esta é a semana para você vestir a sua casa de amor e personalidade.

Analise bem tudo aquilo que você tirou da sua casa para fazer um exercício: veja tudo o que comprou por impulso, sem testar.. Repense sua forma de consumir no ano que vem. Será que você precisa sempre comprar a roupa da moda, o cosmético da blogueira, usar tantos produtos de limpeza, acumular tantos papéis?

Organizar a casa é uma das maneiras de aprendizado sobre nós, sobre o consumo e é uma atividade de autocuidado. Devemos ter esse olhar amoroso permanente sobre o espaço onde vivemos mas esse é um período do ano que pede uma atenção especial pois nada melhor do que entrar o ano com tudo organizado, prontinho para viver uma vida novinha em folha, com tudo tinindo!

Um abraço e Fê(liz) ano todo pra vocês!

Fernanda Cavalcanti tem 33 anos, é paulista, formada em economia e atuou por mais de dez anos na área de marketing. Sempre acreditou que a organização contribui para melhorar a qualidade de vida e essa crença evoluiu. Fernanda se especializou como Personal Organizer e fundou a Cozy Life, empresa cujo propósito é levar aconchego e praticidade de maneira descomplicada para vida das pessoas ajudando elas a prosperarem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.